Bra Fitting Estética

Segundo os melhores cirurgiões plásticos, a utilização do soutien certo é obrigatória para todas as mulheres que fazem uma cirurgia ao peito. Em qualquer intervenção, tem duas funções principais: por um lado, ajudar a manter o investimento feito no corpo, evitando futuras intervenções que possam surgir como resultado da perda de densidade e firmeza e, por outro lado, tirar o máximo partido desta nova imagem.

É o aconselhamento gratuito que ajuda as mulheres que realizaram uma cirurgia estética ao peito a encontrar o tamanho e modelos certos de soutien. Tanto a mamoplastia de aumento como a redução mamária e a mastopexia (levantamento de peito), vão mudar o volume e o formato do seu peito. Por conseguinte, o seu tamanho e modelos de soutiens também vão mudar!

Dicas e Situações específicas

A mamoplastia de aumento

A mamoplastia de aumento tem como objetivo aumentar o tamanho da mama através da colocação de implantes mamários. Neste tipo de cirurgia, o invólucro onde se coloca o silicone é mais denso que os outros constituintes da mama, causando uma pressão adicional na pele. Com o soutien certo, vai sentir conforto e sustentação, tornando possível sustentar, desde logo, o peito e prevenir que o mesmo descaia com o decorrer do tempo.

A Mamoplastia de Redução

Esta intervenção diminui o volume mamário, ao mesmo tempo que melhora a forma e o aspeto geral da mama. Nestes casos, é fundamental que utilize um soutien no tamanho correto, que não aperte o peito, e com o ajuste de costas e copa adequada ao seu novo tamanho. Conforto é a palavra de ordem até as cicatrizes estarem saradas.

A Mastopexia 

O objetivo desta cirurgia é remodelar e levantar o peito que ficou descaído. Por consequência, após a cirurgia, o formato do peito altera-se e, por vezes, o tamanho também, pelo que é essencial perceber que novo tamanho e novos modelos de soutiens devemos usar. Descurar o uso do tamanho certo de soutien, que proporcione a devida sustentação à mama, levará a que o peito volte a descair com o passar do tempo.

Por que investir em novos sutiens?

Após uma cirurgia estética o tamanho do peito muda e, consequentemente, o tamanho do seu soutien também irá mudar. Esqueça o mito de que agora pode usar qualquer soutien ou até andar sem ele! Continuará a ser essencial apoiar e sustentar o peito. O uso do soutien certo irá ajudá-la a cuidar da sua nova imagem e enaltecer o seu decote.

O novo tamanho de soutien

Saber qual o tamanho de soutien que devemos usar é sempre uma questão que levanta muitas dúvidas, não sendo excepção após a realização de uma cirugia ao peito. Algo muito importante a ter em conta é que apenas o seu tamanho de copa, ou seja, a letra, se alterou, pelo que ao comprar um novo soutien, o tamanho de costas (número) não se alterará. Isto, claro, assumindo que usava o tamanho correcto antes da cirurgia. Por exemplo, se anteriormente usava um 32B e realizou uma mamosplastia de aumento, agora poderá ser um 32D, DD, E  ou outro, dependendo do tamanho de implante que colocar. Nunca passará de um 32B para um 38B, porque aí estaria a aumentar o tamanho de costas e não de copa. Para que não erre no tamanho, deve procurar realizar uma consulta de Bra Fitting Estética numa das nossas lojas.

 

Soluções Dama de Copas

A mamoplastia de aumento e o soutien certo 

Após este tipo de cirurgia, é frequente a crença de que se poderá passar a usar qualquer soutien ou, até mesmo, andar sem ele, mas nada poderia estar mais errado! O peito torna-se mais pesado, pelo que se torna ainda mais essencial sustentar o seu peso. Isto tanto por uma questão da saúde da coluna, como por uma questão estética: mesmo após intervenção cirúrgica, o peito continuará a passar por mudanças, podendo voltar a descair. O uso do soutien certo irá prevenir que isso aconteça. Até estar totalmente recuperada, recomendamos o uso de um soutien de conforto, sem aros, não só durante o dia, mas também para dormir. Desta forma o peso extra ficará aliviado e o peito permanecerá imóvel, facilitando a recuperação da cirurgia. Depois do período de recuperação é a altura de renovar o seu armário de lingerie, garantindo que o faz no tamanho certo: costas bem ajustadas e o aro a acompanhar toda a base da mama, para que este não pise o implante. Poderá usar diferentes tipos de soutiens, consoante o seu gosto pessoal e estilo de roupa.

A redução mamária e o soutien certo

Este tipo de cirurgia, por norma, implica uma recuperação mais demorada.  Recomendamos o uso de soutiens sem aros, tanto no dia a dia como para dormir, nos dois a três meses seguintes. No entanto, deverá consultar o seu médico, pois o tempo de recuperação pode variar. Após esse tempo, poderá então passar a usar soutiens com aros, desde que estejam no tamanho certo e que sejam adequados às novas características do seu peito. De uma forma geral, o peito com redução mamária tem uma base mais larga, comparativamente ao volume, pelo que, para encontrar o modelo mais indicado, precisará de ajuda especializada. De acordo com a nossa experiência, os modelos em estilo balconnet são os ideais na maior parte dos casos, por terem um aro mais aberto que não irá colocar pressão na cicatriz. Atenção, o peito reduzido pode voltar a crescer! Continua a ser necessário a realização de um Bra check-up após seis meses da última consulta, ou caso tenha alterações de peso.

A Mastopexia e o soutien certo 

Como acontece sempre no que toca ao peito, cada caso é um caso, pelo que iremos avaliar durante a consulta se o seu tamanho alterou e quais os melhores formatos de soutien para o seu o novo formato de peito. Neste tipo de cirurgia, o volume do peito poderá ficar igual, não se alterando o tamanho, mas apenas o formato e a densidade da mama, que estará mais firme e elevada. Isto pode significar tanto uso de soutiens balconnet, como plunge ou full cup, o importante é que respeitem e sustentem o tecido mamário e que se sinta confortável. 

Soutien para dormir e soutien de desporto após a cirurgia

O uso de um soutien sem aros, para estar em casa e para dormir, é essencial durante os primeiros meses após a cirurga, de forma a manter o conforto e o apoio correto da mama e a prolongar a beleza do seu peito. Sentindo-se inclinada para tal, poderá continuar com esta prática após o período de recuperação, sendo um auxiliar na presevação da densidade e firmeza do peito. Quando praticar exercício, seja de baixo ou alto impacto, não se esqueça que continuará a precisar de um bom soutien de desporto, à sua medida, que sustente e imobilize os movimentos do seu peito. O peito move-se de várias formas durante a prática de desporto, movimentos esses que, não tendo a devida atenção no que toca ao uso do tamanho e modelo correcto de soutien desportivo, poderão causar a quebra dos ligamentos de Cooper, contribuindo para que o peito perca o formato conseguido com a cirurgia.